Guerras Brasílicas do século XXI: soluções táticas nas pequenas frações

Velho General

B-Top-720x75px-ADG.jpg

Icone-Logo-Menelau.pngPor Henrique de Oliveira Mendonça*

Fonte: Military Review 75, nº 2, Edição Brasileira (Segundo Trimestre 2020), p. 15-24, https://www.armyupress.army.mil/Journals/Edicao-Brasileira/Arquivos/Segundo-Trimestre-2020/Guerras-Brasilicas-do-Seculo-XXI/.


Baixar-PDF


Assine o Velho General e acesse conteúdo exclusivo, conheça as opções.


CapaOs aglomerados subnormais possuem variadas dimensões e conformações. Podem, por exemplo, ocupar terrenos planos ou elevações íngremes, além de possuir uma infinidade de vias de acesso, inclusive marítimas. (Foto: Wikimedia Commons/Adam Carter/CC BY-SA 3.0).


O combate às facções criminosas é uma experiência importantíssima no desenvolvimento de técnicas, táticas e procedimentos frente aos desafios representados por novas ameaças e atores. As tropas brasileiras demonstraram astúcia e flexibilidade na adaptação a esse desafio, e sua flexibilidade remonta às Guerras Brasílicas da história colonial.


Na formação normal […] levava-se em conta o terreno livre, de amplos espaços para o desenvolvimento dos combates e da evolução das brigadas, pois tinham como base a formação de duas linhas […]. No entanto, nas…

Ver o post original 4.686 mais palavras

O descarte dos Cães de Guerra

Velho General

B-Top-720x75px-ADG.jpg

Cel-Montenegro.pngPor Fernando Montenegro*

Baixar-PDF


Assine o Velho General e acesse conteúdo exclusivo, conheça as opções.


Capa-PDF.jpg300 mil pessoas participaram da Marcha da Família com Deus pela Liberdade na Praça da Sé, São Paulo, em 19 de março de 1964 (Foto: Arquivo/Estadão).


Com o fim do regime militar em 1985 e a ascensão da esquerda ao poder, teve início um processo de “esvaziamento” do entendimento da Lei da Anistia e o aparelhamento da imprensa e da academia. A chamada Comissão da Verdade, em tese criada para apurar violações dos direitos humanos entre 1946 e 1988, foi formada inteiramente por militantes de esquerda concentrou-se apenas no período do regime militar. Longe de atuar com isenção, teve por objetivo colocar no banco dos réus apenas um lado.


Assisti no History Channel certa vez um filme sobre o emprego, pelos americanos, de cães na guerra do Vietnã, nos anos 1960 e 1970. Após vários…

Ver o post original 1.320 mais palavras

Liberdade de Expressão

Velho General

B-Top-720x75px-ADG.jpg

Albert-VF1Por Albert Caballé Marimón*

Baixar-PDF


Assine o Velho General e acesse conteúdo exclusivo, conheça as opções de apoio.


CapaImagem: Pixabay.


“Se a liberdade de expressão for retirada, então, mudos e silenciosos, poderemos ser conduzidos, como ovelhas ao abatedouro.” (George Washington).


Cuidado com o que você deseja, pois pode se tornar realidade”. Desconheço a autoria deste dito, mas acredito que ele se aplica completamente a todos aqueles que hoje aplaudem, e desejam, o Projeto de Lei Nº 2630 de 2020, de autoria do senador Alessandro Vieira, que institui a assim denominada “Lei Brasileira de Liberdade, Responsabilidade e Transparência na Internet”.

O projeto, que visa estabelecer normas de regulação e “transparência” sobre o que se divulga através da Internet, vem sendo celebrado principalmente pelos detratores do atual governo. Ele irá, segundo seus defensores, conter as já famigeradas fake news.

No entanto, há que se pensar que toda moeda tem dois…

Ver o post original 577 mais palavras

Antônio Dias Cardoso: Mestre das Emboscadas e Patrono das Forças Especiais Brasileiras

Velho General

B-Top-720x75px-ADG.jpg

Cristiano Leal.pngPor Cristiano Oliveira Leal*

Baixar-PDF


Apoie o Velho General: contribua com a manutenção do blog, conheça as opções.


CapaA Batalha dos Guararapes, obra de Victor Meirelles. Antônio Dias da Costa é o soldado a pé, atrás do cavalo empinando, este montado por Vidal de Negreiros (Museu Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro).


Arquiteto do grupo considerado a Celula Mater do Exército Brasileiro, Antônio Dias Cardoso teve papel de grande destaque na Insurreição Pernambucana, movimento que expulsou os holandeses do Nordeste. Ele especializou-se num tipo de guerra de guerrilha que consistia em ataques rápidos e furtivos às forças holandesas e que ficou conhecido como “Guerra Brasílica”.


Antônio Dias Cardoso teve importante papel na expulsão dos holandeses no nordeste, o que lhe garantiu diversos títulos, como Precursor do Exército Brasileiro, Arquiteto Militar da Restauração Pernambucana, Vencedor da Batalha do Monte das Tabocas, Mestre das Emboscadas (meu favorito), Abastecedor do Exército Restaurador…

Ver o post original 1.524 mais palavras

O Império do Mao

Velho General

B-Top-720x75px-ADG.jpg

Friede-2Por Reis Friede*

Baixar-PDF


Assine o Velho General e acesse conteúdo exclusivo, conheça as opções de apoio.


CapaImagem: Wikimedia Commons/Domínio Público.


Considerando a declaração de Xi Jinping de estabelecer hegemonia global até 2050, a ameaça de retomar Taiwan por via militar, a criação de Ilhas artificiais no Mar do Sul da China, a instalação de bases militares em vários territórios (inclusive o Ártico) e silenciosamente controlando instituições internacionais (vide OMS), a China é hoje uma potência disruptiva da ordem internacional.


MAO TSÉ-TUNG, após expulsar as forças nacionalistas de CHAN KAI-SHEK para Taiwan, proclamou a República Popular da China (RPC) em 1º de outubro de 1949, instaurando, muito provavelmente, o regime político mais brutal que a história da humanidade ousou testemunhar.

Estima-se que, apenas durante o seu governo (1949-76), cerca de 30 milhões de seus próprios compatriotas (chineses) foram mortos (de alguma forma) pelo implacável regime comunista instaurado sob a sua liderança…

Ver o post original 814 mais palavras

Para onde vai a China?

Velho General

B-Top-720x75px-ADG.jpg

Cel-Paulo-Filho.pngPor Paulo Roberto da Silva Gomes Filho*

Baixar-PDF


Assine o Velho General e acesse conteúdo com antecedência, conheça as opções de apoio.


CapaImagem: Foreign Policy/Jonathan Bartlett.


Xi Jinping se apresenta como o homem que levará o país a alcançar o “sonho chinês”, ou seja, transformar a China em um país socialista moderno, próspero, forte, democrático, culturalmente avançado e harmonioso, em 2049, ano do centenário da República Popular da China; e pretende estar no poder em boa parte da jornada. Sua capacidade de liderar o país definirá o ritmo com que a China avançará sobre seus objetivos estratégicos.


A China não sai das manchetes dos jornais. Se o gigante asiático já estava presente em todas as conversas sobre relações internacionais, comércio ou geopolítica, a COVID-19 multiplicou o interesse de todos sobre aquele país. Afinal, quem decifrar as intenções do dragão chinês, percebendo também suas fortalezas e debilidades, certamente estará em melhores condições…

Ver o post original 934 mais palavras

O BOP dos EUA e o SORT, sua Equipe de Resposta de Operações Especiais

Velho General

B-Top-720x75px-ADG.jpg

Albert-VF1Por Albert Caballé Marimón*

Baixar-PDF


Assine o Velho General e acesse conteúdo com antecedência. Conheça as opções de apoio.


CapaAgentes do Federal Bureau of Prisons bloqueiam rua próxima da Casa Branca, em Washington, em 3 de junho de 2020 durante os protestos pela morte de George Floyd (Foto: Brendan Smialowski/AFP/Getty Images).


Em meio as forças engajadas na contenção dos distúrbios originados pela morte de George Floyd, nos EUA, algumas equipes de agentes federais bem equipados e fortemente armados, mas sem identificação pessoal ou de unidade, chamaram a atenção da imprensa e dos manifestantes. Trata-se de uma equipe de operadores especializados no controle de tumultos e a lidar com elementos de alta periculosidade.


No dia 25 de maio de 2020, policiais de Minneapolis, estado de Minnesota, nos EUA, prenderam George Floyd, de 46 anos, sob a acusação de passar dinheiro falsificado num mercado. Durante a abordagem de prisão, imagens feitas por populares…

Ver o post original 2.173 mais palavras

O impulso estratégico chinês

Velho General

B-Top-720x75px-ADG.jpg

Cel-Paulo-Filho.pngPor Paulo Roberto da Silva Gomes Filho*

Baixar-PDF


Assine o Velho General e acesse conteúdo exclusivo, conheça as opções de apoio.


Capa-PDFImagem: Piqsels.


A intensa atuação da China em três frentes geopolíticas importantes, ao mesmo tempo em que a comunidade internacional trata de lidar com a pandemia da COVID-19 e em meio a crescentes tensões e críticas por parte dos EUA, sugerem que Pequim sente-se confiante de suas capacidades econômicas e militares.


O “Congresso Nacional do Povo”, na China, reúne-se normalmente por duas semanas a cada primavera. A reunião de 2020 está se encerrando, e as notícias relativas ao encontro da mais alta esfera parlamentar chinesa, somadas a outras sobre os últimos acontecimentos que envolvem o país e alguns de seus vizinhos, chamaram a atenção.

A primeira notícia foi a aprovação, com apenas um voto contrário, da Lei de Segurança Nacional para Hong Kong, feita sob medida para tentar controlar as…

Ver o post original 882 mais palavras

A BBC, as Falklands e a importância do sigilo de informações

Velho General

B-Top-720x75px-ADG.jpg

Albert-VF1Albert Caballé Marimón*

Robinson Farinazzo*

Farinazzo-04.png

Baixar-PDF


Assine o Velho General e acesse conteúdo exclusivo, conheça as opções de apoio.


CapaImagem: montagem com foto Pexels via Pixabay.


Durante a Guerra das Falklands/Malvinas, a BBC acabou envolvendo-se em episódios de vazamento de informações, sendo acusada de traição. Esses incidentes mostram a importância do sigilo que deve proteger informações sensíveis, especialmente em cenários de guerra, e reforçam a necessidade de se aplicarem conceitos de inteligência.


As Ilhas Malvinas, Geórgias do Sul e Sandwich do Sul são territórios britânicos mais próximos da Antártida do que da própria Grã-Bretanha. Com pouco mais de 16.000 km2 de área total, são reivindicados pela Argentina e vem sendo objeto de uma longa controvérsia entre os dois países.

Em 1982, o governo militar argentino, liderado pelo general Leopoldo Galtieri, passava por uma crise econômica e perdia popularidade. A situação econômica da Grã-Bretanha, então sob o governo da primeira-ministra Margaret…

Ver o post original 2.254 mais palavras