Gerenciando crises em segurança corporativa

Velho General


Foto: Matthew Henry/Unsplash.


A gestão de segurança nas empresas passa pela definição de necessidades e de políticas considerando a tecnologia mais adequada à cada realidade. Como sempre, análise e planejamento por profissionais capacitados são fundamentais para a obtenção de resultados positivos.


O que se pretende nesta abordagem é a avaliação do grau do evento crítico e a capacidade de evitá-lo ou mesmo reagir, para que ele não se concretize. Para tanto, deve-se recorrer ao tradicional questionário:

  • QUE: natureza do incidente;
  • ONDE: local do incidente;
  • QUANDO: tempestividade do incidente;
  • COMO: circunstâncias do incidente;
  • QUEM: envolvidos no incidente.

Conhecido o evento crítico, impõe-se saber avaliar a evolução possível até tornar-se provável.

Desde que provável, impõe-se acompanhar a evolução em cada momento, para que se tenha noção de como um incidente provável, se torna um pouco provável a muito provável.

O evento crítico vai evoluindo…

Ver o post original 526 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s