Um General para ser lembrado e uma guerra para não ser esquecida

Velho General

Farinazzo-04.pngPor Robinson Farinazzo*

Baixar-PDF

Capa-PDF.jpgO general Carlos Alberto dos Santos Cruz durante missão próximo a Goma, cidade retomada pela ONU na República Democrática do Congo (Foto: MONUSCO/Sylvain Liechti).


“Eu procuro fazer as coisas de forma simples, focar no que precisa ser feito. Se começar a focar na dificuldade, ficar raciocinando na complexidade do problema, acaba perdendo tempo”, afirmou. “Há um planejamento, e temos que colocar em prática. Eu dou o rimo, de forma mais rápida, ou menos. Mas temos que andar pra frente, a coisa tem que ter dinamismo.”

(General de Divisão Santos Cruz)


Carlos Alberto dos Santos Cruz é um militar brasileiro. E um cidadão que o resto do mundo conhece (e reconhece) melhor que o seu próprio país.

No comando da missão de paz na República Democrática do Congo (MONUSCO) em 2013, estiveram sob sua coordenação de cerca de 23,7 mil militares de vinte países. Pela primeira vez desde…

Ver o post original 184 mais palavras

O Maior General dos Estados Unidos

Velho General

Farinazzo-04.pngPor Cap Fr (FN) RM1 Robinson Farinazzo*

Baixar-PDF

Capa-PDF.jpgRobert E. Lee posa para fotografia nos fundos de sua casa na Franklin Street, em Richmond, em 20 de abril de 1865 – apenas 11 dias após a rendição em Appomattox (Foto: National Archives/Mathew Brady).


“Robert Lee chegou o mais perto possível de ser uma divindade viva… e quando ele morreu, o ar serenou.”

(Richard Dreyfuss, ator vencedor do Oscar, Golden Globe e BAFTA)


Nas cercanias de Washington, às margens do Rio Potomac, há um aprazível conjunto de colinas, onde estão enterradas algumas das pessoas mais icônicas da História dos Estados Unidos: o Cemitério Nacional de Arlington, Virgínia. Lá estão os astronautas da nave Challenger, o general Omar Bradley, o cientista Albert Sabin, o Senador Robert Kennedy e seu irmão, o Presidente John Fitzgerald Kennedy, acompanhados por milhares de soldados mortos em todas as guerras dos EUA. Isto, muita gente sabe.

Mas…

Ver o post original 898 mais palavras

“De Oppresso Liber”: a Primeira Missão no Afeganistão

Velho General

Albert-VF1Por Albert Caballé Marimón*

Baixar-PDF


Capa-PDF.jpgO capitão Mark Nutsch liderou o ODA 595 do 5º Grupo de Forças Especiais (The Military Times/Mark Nutsch)


Em 11 de setembro de 2001 ocorreram os ataques terroristas da Al-Qaeda de Osama Bin-Laden contra Nova York, no World Trade Center, em Washington no Pentágono e na Pensilvânia, onde caiu um Boeing 757 da United Airlines derrubado num embate entre os sequestradores e os passageiros.

Na sequencia de acontecimentos o então presidente americano, George W. Bush, autorizou o envio de forças especiais ao Afeganistão com a missão de assessorar e apoiar os comandantes da chamada Aliança do Norte na luta contra o Talibã. Além disso, um dos objetivos dessas forças era capturar um aeródromo para que os EUA pudessem trazer suprimentos e mais tropas.

O grupo, a Task Force Dagger (Força-Tarefa Adaga), foi formado por duas equipes do 5th Special Forces Group (5º Grupo de Forças…

Ver o post original 1.607 mais palavras

Gerenciamento eficaz da crise

Velho General

Cel-Mascarenhas.pngPor Cel Wanderley Mascarenhas de Souza*

Baixar-PDF

Capa-PDF.jpgCoventry University Research Blog/Shutterstock


Nenhuma organização, seja militar ou civil, privada ou governamental, está imune à crises. A implementação de processos para lidar com os riscos inerentes a elas, bem como o treinamento de profissionais para executa-los, é de fundamental importância. Neste artigo, o Cel Wanderley Mascarenhas de Souza delineia algumas medidas aplicáveis.


O impacto que a empresa sofre em uma crise deve ser projetado risco por risco, visando racionalizar os meios que serão acionados, tendo em vista a relação custo x benefício. A alta gestão da empresa deve estar comprometida em prover a estrutura e funcionamento dos comitês de crise e reavaliar periodicamente as condutas e procedimentos referentes aos mecanismos de respostas às crises.

É uma meta que pode ser alcançada através de um diagnóstico cuidadoso dos problemas em potencial nos seus próprios ambientes de negócio.

A partir desse diagnóstico deve-se elaborar qual será…

Ver o post original 410 mais palavras